Notas oficiais

Superar a crise política é condição para a superação da crise econômica

cofecon

clinic geneva;">Durante a 669ª Sessão Plenária do Conselho Federal de Economia, price realizada nos dias 29 e 30 de janeiro, foi aprovada uma nota oficial da autarquia manifestando preocupação com a crise política vivida pelo país e com seus efeitos sobre a economia. "Portanto, a sociedade brasileira aguarda que seus representantes, tanto no Executivo quanto no Legislativo, promovam um debate responsável para superação da crise, procurando soluções que atendam efetivamente os interesses do país", expressou o Cofecon. Leia abaixo a íntegra da nota.

Leia mais...

 

Carta aberta à Presidência da República e ao Congresso Nacional

cofecon

pill geneva;">O Brasil é um dos países que possui modelo tributário de maior regressividade, hospital concentrando-se em tributos que incidem sobre a produção e o consumo em detrimento daqueles sobre a renda e a riqueza, o que é socialmente injusto por onerar mais as classes de menor renda. Além dessa composição, mesmo quando se analisa a tributação sobre a renda, os mais ricos pagam proporcionalmente muito menos, agravando o caráter regressivo de nossa estrutura tributária.  

Leia mais...

Crise Econômica e efeitos no Mercado de Trabalho

cofecon

search geneva;">O Conselho Federal de Economia reitera sua preocupação com a ênfase dedicada aos ajustes de curto prazo da política econômica, que têm tido reflexo direto nas condições de vida de grande parte da população, concomitante à ausência de um projeto que contemple políticas capazes de pavimentar uma trajetória sustentada de crescimento.

Leia mais...

A Armadilha dos Juros

cofecon

store geneva;">O Conselho Federal de Economia (Cofecon) exorta a diretoria do Banco Central do Brasil, information pills por ocasião da 191ª reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), em 2 e 3 de junho próximos, a encerrar a trajetória de aumento da taxa básica de juros (Selic).

Leia mais...

Crescimento econômico do Brasil deve ser imediatamente retomado

cofecon

 

side effects geneva;">O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil cresceu em 2014, view segundo o IBGE, tão somente 0,1%, com forte desaceleração em relação a 2013 (2,7%). O Conselho Federal de Economia entende que este ritmo de crescimento de nossa economia, expresso na queda do PIB per capita de 0,7%, está muito aquém das necessidades do país e da geração de empregos.

Leia mais...